NOSiAkademia: Estagiários avaliam positivamente a edição 04/2019

segunda, 27 julho 2020 10:01

Post nosiakademia 22 07 20 01 01

Depois de 6 meses de estágio profissional, os estagiários da ediçao 04/2019 fizeram um balanço positivo do programa do NOSiAkademia. Embora em tempos difíceis da pandemia do COVID19, os 26 estágiarios  cumpriram o plano de estágio e apresentaram no dia 15 e 16 de Julho o projeto final. De acordo com estes dois jovens, Helder Santos David, que esteve no Departamento Service Desk, e Gisela Santos Silva, no  Projeto Integração do Sistema Cadastro Fiscal /SIM na incubadora GeoSoluçoes do programa Jumpstart, adquiriram várias experiências a nível profissional e pessoal, contando com mentoria e apoio dos colaboradores, e hoje dizem sentir mais preparados para o mercado de trabalho.

Para Hélder David, um jovem licenciado em Economia e Gestão que  veio de São Vicente o balanço é muito positivo das atividades realizadas durante estes 6 meses. “Permitiu-me ter um vínculo com uma entidade com principio meio e fim, ou seja, me possibilitou estar em contato diariamente com as atividades realizadas pelos colaboradores do NOSi. Pude desenvolver muitas atividades, colocar em prática os conhecimentos teóricos adquiridos no seio acadêmico, adquirir experiência profissional e cultivar o espírito de trabalhar em equipa. Durante estes meses, a mentoria foi excelente pois tive a oportunidade de ter uma equipa a disposição para transmitir e receber conhecimentos, experiências profissionais bem como pessoais. Hoje, todo o conhecimento adquirido constitui uma mais valia para a minha carreira profissional, pois o mercado se encontra escasso e muito exigente, é preciso encarar os desafios com positividade e vencer. Com convicção, estou preparado para o mercado de trabalho, graças ao NOSi, mas sempre há espaço para aquisição de mais conhecimentos e experiências, pois o mercado torna-se cada dia mais exigente e devemos estar aberto a novos conhecimentos" - afirma.

Gisela Santos Silva licenciada em Engenharia de Sistemas e Informática veio de Santo Antão. Participou no desenvolvimento da solução de Integração do Sistema Cadastro Fiscal /SIM da empresa GeoSoluções, uma das incubadoras no programa JumpStart. Relata que teve uma mentoria “espectacular” e que hoje está preparada para os desafios no mercado de trabalho.

“Durante estes 6 meses de estágio posso dizer que tive uma experiência positiva visto que foi muito desafiador na área de Jumpsart, uma área onde eu não queria, mas que valeu a pena. Tinha medo de enfrentar a programação, mas consegui alcançar os meus objetivos e ultrapassar este medo. A mentoria foi espetacular sem reclamações, visto que tínhamos mentoria todos os dias de segunda a segunda mesmo quando trabalhávamos em casa, eles (mentores) eram muito exigentes. Eles nos disponibilizavam todo o material possível, lançavam desafios para serem cumpridos e, caso não fosse possivel ultrapassa-los, os nossos mentores ensinavam novos caminhos para trilhar e cumprir as tarefas. Tudo que aprendi foi novo, visto que saímos da universidade com muita teoria, mas com o estágio profissional, ganhei uma vasta experiencia para enfrentar o mercado de trabalho.  Os desafios foram muitos, sabendo que tinha medo de programação isto foi um autentico desespero no meu primeiro desafio, mas com a mentoria dedicação e ajuda do meu colega consegui enfrentar o meu primeiro desafio e dali por diante tornaram-se mais leves. Estes desafios serviram e muito para o meu preparo profissional e pessoal, sinto-me preparado para enfrentar os desafios do dia-a-dia sem medo de errar".  

Gisela conta que no primeiro dia estava assustada pois tudo era novo e não tinha a espectativa de estagiar no NOSi. "Fiz a inscrição passei no teste e quando me chamaram para a entrevista e me disseram que fui selecionada, o medo estava a flor da pele, mas com o decorrerr do estágio vi que foi a melhor coisa que fiz na minha vida".  

Termina afirmando que "Gisela de hoje é uma mulher preparada para enfrentar o mercado de trabalho e os novos desafios porque não limitei em aprender só o que era estipulado no plano de estágio, mas também outras atividades como trabalhar com aplicação da Casa do Cidadão, entre outros.”

De salientar que o programa NOSiAkademia tem como missão, preparar e dotar jovens recém-licenciados de mais competências técnicas e a nível do softskills para uma melhor inserção no mercado de trabalho e para o empreendedorismo. Conta com a parceria do Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP), da Direção Geral de Emprego e Formação e Estágios Profissionais e de Políticas Integradas de Educação, Formação e Emprego, PRO-EMPRESA, Sistema Nacional de Qualificações.

Desde 2016, ano da sua criação, até junho de 2020, 234 jovens recém-licenciados participaram do programa NOSiAkademia. 158 concluiram com sucesso o programa de estágio. Desses, 66% estão integrados no mercado de trabalho.


© Copyright 2016, Núcleo Operacional da Sociedade de informação - E.P.E. Todos os direitos reservados. | design & concepção: NOSi.