Projeto WebLabs: Governo pretende dotar Escolas Secundárias com laboratórios de Internet e Tecnologia

sexta, 10 novembro 2017 16:42

O Governo pretende, já a partir de 2018, dotar cerca de 44 escolas secundárias do País com Laboratórios de Internet e Tecnologia - o projeto WebLabs. O anuncio foi feito pelo Ministro da Presidência do Conselho de Ministros, Fernando Elísio Freire, no ato de inauguração de um Núcleo de Ciência e Inovação junto da Escola Secundária Pedro Verona Pires (ESPVP), em Ponta Verde, na ilha do Fogo, nesta quinta-feira, 09 de novembro.

Fernando Elísio Freire presidiu o ato inaugural do Núcleo de Ciência e Inovação na ESPVP, a convite do Instituto Pedro Pires para a Liderança (IPP), que idealizou e criou o projeto cujo objetivo é promover o conhecimento.

A iniciativa do IPP propõe, igualmente, a utilização de robôs como incentivo à aprendizagem da Matemática, da Física, da Geologia, da Programação Informática, entre outras ciências exatas, e através de atividades extracurriculares, introduzir novos domínios de conhecimento, importantes para o desenvolvimento individual e coletivo.

Para o Ministro, esta iniciativa está alinhada com o projeto WebLabs que o Governo tem em preparação e que irá contemplar cerca de 44 Escolas secundárias do país com Laboratórios de Internet e Tecnologia.

O WebLabs é uma extensão e desterritorialização do Parque Tecnológico de Cabo Verde, ambicioso na sua intenção de inclusão e iniciação digital, que irá sinalizar uma alteração substancial na forma como este Governo pretende financiar o desenvolvimento do nosso país”, explicou o governante.

O projeto coloca o foco na capacitação de crianças e jovens na programação informática, montagem e desmontagem de computadores e telemóveis, bem como na robótica, independentemente da classe social ou poder económico aquisitivo, de forma que todos tenham as condições de usufruir, de forma gratuita, das potencialidades do conhecimento, das tecnologias de comunicação e informação.

Segundo salientou Freire, “é obrigação deste Governo criar todas as condições para que os jovens possam criar coisas extraordinárias, invistam na inovação e florescem em ambientes dinâmicos formados por pequenas e médias empresas”.

Por isso, o Núcleo criado pelo IPP, prosseguiu o Ministro, além de ajudar a complementar os curricula aprovado na ESPVP, apoia na realização das prioridades destacadas no Programa do Governo, que é o combate às desigualdades sociais e assimetrias regionais, e a promoção da igualdade de oportunidades para todos, no avanço de conhecimento e de acesso à tecnologia que não tem estado ao alcance de todos.

Elísio Freire frisou, ainda, que a par do importante projeto WEBLABde grande impacto socioeconómico, o Governo encontra-se a desenvolver Agenda Digital de Cabo Verde que pretende transformar o País num Centro Tecnológico de Referência Regional.

Esta Agenda Digital deverá ser através de aceleração dos ganhos de Governação Eletrónica, da implementação da Estratégia Nacional de Banda Larga, do projeto do Parque Tecnológico, desenvolvimento de centros competências e de incubação do empreendedorismo jovem, entre outras iniciativas relevantes para o desenvolvimento e dinamização da Economia Digital, conforme explicou

Fonte: governo.cv

 

 

© Copyright 2016, Núcleo Operacional da Sociedade de informação - E.P.E. Todos os direitos reservados. | design & concepção: NOSi.